sábado, 16 de abril de 2011

Dilúvio ou castigo divino?

Nem um nem outro, isso chama-se preguiça de manutenção da prefeitura do estado, ou seja, preguiça de brasileiro.

Sem falar que tem sempre um filho da puta que passa jogando água em você, quando está numa parada de ônibus ou andando na causada. Outro dia eu passei 1 hora e 40 minutos no busão em pé! vc tem noção do que é uma pessoa passar esse tempo todo preso em um engarrafamento com as janelas todas fechadas (pois chovia) e sem falar que no ônibus o motorista ficava que nem uma puta veia ligando e desligando o ventilador do busu(o que amenizava o calor), o motivo pra tanto engarrafamento? Hora, água ué, a avenida alagada, água batendo na metade do pneu, 2 faixas virando uma só...

E nossos impostos que pagamos não servem pra nada público, só para fazer festas e porpagandas para os políticos safados, que nem um trecho da música de gabriel o pensador que diz:

"...E como o tempo tá fechando eu tô ficando preocupado
Ih! Choveu! Pronto tudo alagado
Uns vão nadando
Outros morrendo afogados
E enquanto na favela tem barraco caindo
Não é que passa o Prefeito num iate sorrindo
E se o nosso ex-presidente estivesse aqui
Ele estaria certamente num belíssimo jet-ski
Mas como nós não temos embarcação pra todo mundo
Essa triste situação tá parecendo o fim do mundo
Pra quem tá de carro
Pra quem tá de ônibus
Nessa Rio-Babilônia
No Brasil do abandono
E enquanto os governantes vão boiando sorridentes
Vâmo remando
Bola pra frente porque..."

bem...não preciso dizer mais nada, o trecho a cima fala por sí...

Aqui é Rodrigo Vodu dizendo: "A prancha eu já tenho, só falta o Jet e me puxar pra ir a facul em dia de chuva".
Postar um comentário